Na temperatura certa

Na temperatura certa

Adegas climatizadas podem parecer um luxo, mas num país quente como o nosso, ter uma pode ser a salvação.

Adegas climatizadas podem parecer um luxo, ou até um ícone de ostentação, para alguns. Mas, num país quente como o nosso, ter uma pode ser a salvação.

Para quem guarda vinhos em casa, com ou sem a intenção de envelhecê-los, olha só: a adega climatizada tem o principal intuito de dar longevidade ao vinho ou preservar os sabores e aromas. Antes de qualquer coisa, é preciso saber que “adega” não é só aquele ambiente enorme e equipado, com milhares de garrafas de vinhos. Existem adegas portáteis de várias marcas e modelos diferentes, com armazenamentos para 6 ou 200 garrafas, além de equipamentos para transformar qualquer cômodo da casa em adega, se você quiser. Logo, se você tem quatro garrafas daqueles seus vinhos preferidos, ou pelo menos uma que você quer deixar por alguns anos guardada, você já pode ter uma pequena adega climatizada, que ocupará um espaço menor do que um microondas.

O calor e a mudança de temperatura são dois vilões para os vinhos. Até aqueles de consumo imediato podem ter suas qualidades deturpadas, se forem guardados em um local inadequado. Por incrível que pareça, os vinhos feitos para serem consumidos jovens são mais fáceis de sofrerem deterioração pelo calor que os mais estruturados. Para os dois tipos, a adega climatizada é a garantia de que eles ficarão na temperatura ideal.

Além de conservar o vinho, a adega também serve para economizar. Há alguns vinhos, como um Brunello di Montalcino ou um Barolo, que ganham qualidade conforme a idade. Quando esses vinhos são jovens, eles podem ser vendidos por um preço específico. Alguém os compra jovens e estoca, para depois vendê-los mais caros. O vinho envelhecido que compramos tem, na verdade, o preço do vinho mais o preço do tempo que alguém gastou guardando-o. Ora, se você comprar um vinho jovem e deixá-lo na sua adega climatizada por um tempinho (que não precisa ser tanto, dependendo do vinho), você irá, depois, consumir um produto muito mais caro do que aquele que você comprou.

Mas cuidado! Muitas pessoas acham que qualquer vinho poder ser envelhecido, e que é só esquecer a garrafa na adega por anos e anos, e quanto mais tempo passar, melhor. Não é assim que funciona! Cada vinho tem seu tempo ideal para ser aproveitado no seu auge, mesmo estando numa adega climatizada com a temperatura certinha para ele. Verifique sempre o tempo ideal para o seu vinho, e não deixe passar daquilo, senão pode ter o efeito inverso.

Mais uma vantagem de uma adega climatizada: você nunca passará pelo aperto de não ter um bom vinho, no caso de visitas ou jantares na sua casa. E, em situações ainda mais importantes, abrir um vinho envelhecido por você mesmo é muito mais estiloso!

Mas existem coisas importantes a se observar. Primeiro, opte por escolher adegas climatizadas que tenham assistência técnica perto de você, para qualquer eventualidade. Também é importante fazer contas, pois às vezes adegas mais caras podem compensar no gasto de energia elétrica, ficando mais econômicas do que as que são mais baratas. E, se o intuito não é comprar uma pequena adega, e sim transformar um cômodo, espaços pequenos são mais fáceis de equipar.

Agora, é só ter uma. E esperar.

Por Sonoma Brasil

Compre excelentes vinhos online na Sonoma

Harmoniza com esta matéria:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aprenda mais sobre o universo do vinho.

Cadastre seu e-email e receba atualizações notícias e promoções

Por favor, verifique seu email. Por favor, verifique sua cidade.
O que falam da gente

Quer saber mais da Sonoma? Clique em algumas destas matérias para saber mais sobre a empresa.

Close
© 2020 SONOMA. Todos os direitos reservados. Se beber não dirija. Aprecie com moderação. A venda de bebidas alcoólicas é proibida para menores de 18 anos.
Close