Barrica

Um dos quesitos que influenciam diretamente na qualidade do vinho é a maturação em barrica de carvalho – e não apenas o tempo em que ele fica envelhecendo no local, mas também as próprias características do recipiente.

Para quem se pergunta por que elas devem ser de carvalho, a resposta é simples: de acordo com as técnicas mais tradicionais, é através dessa madeira nobre que o líquido vai respirar, já que ela é composta por pequenos poros que fazem a microoxigenação.

Apesar de haver equipamentos capazes de efeito semelhante, a maioria dos especialistas afirma que o resultado está longe de ser o mesmo.

O tempo que o liquido fica na barrica ajuda na estabilização do sabor e no afinamento dos taninos – e influencia no aroma amadeirado que vai compor o buquê e que é liberado através do aquecimento da sua superfície.

É durante a microoxigenação, por exemplo, que as moléculas de oxigênio que penetram pela madeira prendem-se aos taninos mais pesados e rústicos, precipitando-os para o fundo e fazendo com que apenas os mais leves sejam engarrafados.

Por isso algumas informações sobre a barrica são importantes, para a avaliação do vinho: saber se a barrica era ou não de primeiro uso, se o carvalho é francês ou americano, qual o grau de tosta da madeira e quais as dimensões do recipiente, por exemplo.

Para se ter uma ideia, é o grau da tosta da madeira que conferirá aromas ao vinho, dos mais leves (como o da baunilha), aos mais pesados (como o do café).

O formato da barrica, com seu desenho abaulado, também é importante para que o produto tenha o efeito desejado. Há alguns produtores que defendem os chamados chips de madeira – pedaços de carvalho de diversos cantos do planeta, com diferentes graus de tosta, que são colocados em vinhos que estão em inox ou outro recipiente.

Mas, de acordo com especialistas, esse método não garante o mesmo efeito, pois não terá a micro-oxigenação tão essencial para o nascimentos das peculiaridades do vinho.

Por Sonoma Brasil

Conheça os melhores vinhos do momento


Quer saber mais? Veja também outros artigos relacionados.