Nebbiolo

Foi a uva tinta Nebbiolo que fez do Piemonte, mais especificamente as colinas do Langhe, a região vitivinícola mais prestigiada da Itália.

Isso porque é com a Nebbiolo que são produzidos os famosos vinhos italianos: Barolo e Barbaresco.

O nome Nebbiolo deriva da palavra italiana “nebbia”, que significa nevoeiro. Isso porque o Piemonte, no final de outubro, época da colheita, vê se formar um denso nevoeiro sobre suas videiras.

Cultivada em terreno mais acentuado e numa porção consideravelmente mais fria do Langhe, o Barolo tende a ser o mais potente dos dois.

Mais robusto e austero também. Já o Barbaresco é conhecido por ser mais delicado ou, melhor dizendo, elegante!

A casta Nebbiolo é bastante resistente e possui a casca grossa, que se transforma em taninos na bebida! Seus vinhos, além de tânicos, são refinados e super complexos.

Com acidez acentuada e uma variedade muito grande de aromas e sabores, praticamente nasceram para a gastronomia. São perfeitos para harmonizar pratos pesados e gordurosos.

Além do Barolo e Barbaresco, a estrela do Piemonte é a uva principal dos vinhos Gattinara e Ghemme.

Por Sonoma Brasil

Conheça nossa variedade de vinhos.


Quer saber mais? Veja também outros artigos relacionados.