Benvenuti in Sicília

A Sicília é um paraíso aos desbravadores e disruptivos paladares e corações.

A Sicília é um exótico e encantador mosaico de culturas. Gregos, fenícios, árabes e italianos dominaram a maior ilha do Mediterrâneo até o século XIX, quando Giuseppe Garibaldi tornou-se independente dos Bourbons e incorporou o território ao reino da Itália unificada.

Separada do continente pelo estreito de Messina (por apenas 3 quilômetros de largura na faixa mais estreita), está a 160 quilômetros da Tunísia, no norte da África. O relevo é majoritariamente montanhoso e com atividade sísmica, onde se encontra o vulcão Etna (o mais ativo da Europa). Palermo (capital), Messina, Siracusa, Catânia e Taormina são as principais cidades – esta última um cantinho muito peculiar, um convite ao teatro grego.

Uma singular riqueza de cores, formas, aromas e sabores que orgulha os nativos da ilha e que até hoje pode ser contemplada, especialmente na arquitetura desses diferentes povos, já que a Sicília não sofreu bombardeios durante as duas guerras mundiais. Templos gregos como o Segesta e o Selinunte permanecem intactos. E imperdíveis.

 

Vino e piacere

Vinho e Sicília tem longa história, com produção de vinhos desde 4.000 a.C. Seu clima quente e seco e chuvas moderadas, floresce a agricultura orgânica na ilha: azeitonas, frutas cítricas, grãos… e vinho, claro!

No passado, a opção dos agricultores por altos rendimentos transformou a região em um centro de vinhos a granel, distribuídos para a Europa, China e Índia. O icônico vinho Marsala colocou a Sicília no mapa dos vinhos.

A partir da década de 1980, melhorias na viticultura e na vinificação deram um enorme salto de qualidade ao vinho siciliano, em cada uma das regiões da ilha, de Vittoria ao Monte Etna.

Em artigos de 2020 e 2021 o renomado crítico James Suckling menciona a Sicília como sendo a Borgonha do Mediterrâneo.

 

Amostra de solo vulcânico do terroir

Regiões Vinícolas da Sicília

Por falar em Borgonha, nada melhor do que conhecer um pouquinho das principais regiões da Sicília, com uma belíssima seleção de vinhos que refletem muito bem as características de cada terroir, ao final desta matéria. Ao todo são aproximadamente 24 DOCs e 1 DOCG (Cerasuolo di Vittoria), as principais são:


Vinícola Le Casematte

Faro

Situada no nordeste da ilha, abrange a cidade de Messina é a menor DOC de toda a Itália, reconhecida em 1976. Produz vinhos a partir das uvas Nerello Mascalese (45-60%), Nerello Cappuccio (15-30%) e Nocera (5-10%), com um toque de Calabrese e/ou Gaglioppo e/ou Sangiovese (0-15%). Um tinto seco de média intensidade, delicado, harmonioso e persistente.


Propriedade Tornatore, Monte Etna, leste da sicília.

Etna

Entre os mais interessantes terroirs do mundo, o solo vulcânico do Monte Etna, os minerais subterrâneos e a altitude das vinhas dão a personalidade aos vinhos de Etna, conhecidos como Rosso, Bianco e Rosato. As principais uvas são as brancas Carricante e Catarratto e a tinta Nerello.

Alcamo

Uma ampla área repleta de colinas ao noroeste da ilha, incluindo as regiões de Trapani e Palermo. A uva branca Catarratto reina nesta DOC, embora as internacionais e outras castas autóctones também tenham destaque.

Cerasuolo di Vittoria

Localizada na cidade de Vittoria, a única DOCG da Sicília elabora blends de Nero d’Avola e Frappato extremamente gastronômicos, marcados por aromas e sabores de morangos, amoras e romãs, taninos moderados e linda acidez.

Marsala

Emblemático e histórico, o legado do vinho Marsala remete a 1773, quando foi criado para o mercado inglês como substituto ao Jerez (Xerez). O nome deriva do árabe “Marsah-el-Allah”, que tem a ver com “Porto de Deus”. Elaborado em uma ampla área na costa oeste, é um vinho doce, de caráter oxidativo e amplamente utilizado na gastronomia.

Outras importantes DOCs que elaboram vinhos doces são Moscato di Siracusa, Moscato di Noto, Malvasia delle Lipari e Moscato di Pantalleria.

 

Uva principale

Essa rica e complexa história foi generosa com a Sicília: são mais de 70 variedades de uvas autóctones, embora uma pequena parte seja usada comercialmente na produção de vinhos.

Entre as tintas, destacamos Nero d’Avola, Frappato e Nerello Mascalese. Catarratto, Grillo, Inzolia e Carricante, entre as brancas. E as internacionais mais utilizadas são a Chardonnay, Syrah e Cabernet Sauvignon.

Nero d’Avola: a estrela da Sicília! Amplamente cultivada, elabora tanto tintos simples e descontraídos, para consumo imediato, quanto o Cerasuolo di Vittoria Denominazione di Origine Controllata e Garantita, a única DOCG da ilha. Entrega vinhos profundos em cores e sabores, com acidez brilhante e taninos moderados.

Frappato: geralmente é uma imprescindível coadjuvante, mas também pode ser encontrada como varietal, como no Avide Frappato Terre Siciliane IGT 2020. Oferece um cativante perfume floral, com taninos suaves e ótima acidez.

Nerello Mascalese: depois da Nero d’Avola, está é a segunda uva tinta mais cultivada. Elegante, brilha nos solos vulcânicos do Monte Etna e pode ser encontrada em blends com a Nerello Cappuccio (rústica e apimentada).

Catarratto: a cada dia tem seu protagonismo mais valorizado e já não é apenas tratada como variedade de volume (a uva mais cultivada da Sicília). Elabora brancos frescos e delicados, com notas de ervas e de frutas cítricas.

Grillo: aromática e envolvente, produz brancos secos de corpo médio com acentuadas notas florais e de pêssego branco, cultivada em toda a ilha. Conheça aqui os vinhos brancos feitos da uva Grillo.

Inzolia: entre as mais antigas, tem um toque amendoado e de brisa marinha. Juntamente com a Catarratto e a Grillo é utilizada no blend base do vinho Marsala.

Carricante: com uma acidez viva, é a variedade principal por trás dos brancos conhecidos como “Etna Bianco”. Como varietal, expressa notas cítricas e minerais, flor de laranjeira e anis. 

 

Agora, vamos aos vinhos da Sicilia!

LE CASEMATTE “PELORO BIANCO” 2018

Um irresistível blend de fruta e frescor de uvas nativas ao terroir vulcânico do Etna. Conheça o Peloro Bianco!

92 Pontos -James Suckling
92 Pontos – Sonoma Market
91 Pontos – Robert Parker

LE CASEMATTE PELORO BIANCO 2018

AVIDE FRAPPATO TERRE SICILIANE IGT 2020

Um grande Frappato orgânico, que homenageia a cidade de Vittoria, na Sicília. Conheça o Avide Frappato.

AVIDE FRAPPATO TERRE SICILIANE IGT 2020

GAZZEROSSE NERO DAVOLA SICILIA DOC 2020

Um Nero d’Avola orgânico que surpreende e encanta por sua leveza e seriedade. É altamente gastronômico e promete uma experiência deliciosa! Saiba mais sobre Gazzerosse Nero D’Aavola.

 

GAZZEROSSE NERO DAVOLA SICILIA DOC 2020

AVIDE LA BIANCO INSOLIA – GRILLO 2020

Um corte de Insolia/Grillo orgânico, que tem tudo a ver com o verão e dias quentes! Conheça este vinho branco siciliano.

AVIDE LA BIANCO INSOLIA GRILLO 2020

PIANTAFERRO INTRIGO NERO D’AVOLA SICÍLIA DOC 2020

Um elegante e vívido tinto italiano da região da Sicília. Experimente!

PIANTAFERRO INTRIGO NERO DAVOLA SICILIA DOC 2020

Hora de desbravar a Sicília e se apaixonar!

Permita-se.

A presto,
Rafael Campoy
Equipe Sonoma Market

Você também pode gostar

Deixe um Comentário